Massagem Tantra Para Mulheres: Instruções

Massagem Tantra Para Mulheres

Com vontade de algo novo? O sexo um fim em si não é mais suficiente para você? Se você se sente pronto para explorar novos limites da sexualidade e deseja intensificar a união com seu parceiro, então você está pronto para praticar a massagem tantra Yoni para sua mulher! 

Você quer tornar o relacionamento com seu parceiro ainda mais íntimo? Introduza a massagem Yoni na sua rotina erótica; uma abordagem de estimulação da vagina que não prevê o orgasmo como uma parada obrigatória (embora bem apreciada quando presente). A massagem Yoni, assim como o sexo tântrico, nos ajuda a abrir nossos corações e mentes para entrar em contato com nossa parte mais verdadeira e (re)encontrar harmonia conosco e com nosso parceiro. Lembre-se que no Tantra a sexualidade é vista como uma parte sagrada de nossa existência.

Embora concentrada na vagina, a massagem Tantra Yoni não é uma simples masturbação, mas uma antiga técnica tântrica utilizada não apenas para “estimular os sentidos ali mesmo”, mas também para redescobrir o bem-estar do equilíbrio psicofísico, remover tensões acumuladas e (re) encontrar harmonia interior através de ritmos mais “humanos”.

Sexo tântrico e Tantra Yoni: do que se trata?

O sexo tântrico” Sexo tântrico: como praticá-lo e quais os benefícios que traz”), é recomendado para todos os casais que sentem a necessidade de alcançar a realização física e sentimental totalizante por um relacionamento capaz de ir além da mera busca do orgasmo como ato final.

 O sexo tântrico não é apenas uma técnica, mas uma verdadeira filosofia de amor que ajuda o casal a experimentar a intimidade de forma mais profunda, também graças a práticas sexuais específicas. O Tantra é uma disciplina indiana muito antiga hoje particularmente conhecida no Ocidente pelo estado de êxtase que permite alcançar.

Produtos de sex shop também estão liberados por aqui, viu? Já deixe garantido os óleos para massagem com mesmo alguns brinquedos sexuais, o beijo grego é um ótimo acréscimo  para explorar novas áreas e proporcionar mais prazer ainda para a sua parceira.

Com o sexo tântrico é possível vivenciar o amor de forma plena, redescobrindo a energia masculina e feminina. Além de ser praticado por meio de posições sexuais específicas, o sexo tântrico convida os parceiros a se beijarem e acariciarem até se sentirem parte um do outro. A chamada iluminação espiritual do casal é alcançada indo além da dinâmica do sexo vivenciada de forma “tradicional”, focando também em dar prazer ao outro.

De fato, no sexo tântrico existem massagens – muitas vezes erroneamente classificadas como simples práticas de masturbação- voltadas exclusivamente para o prazer do parceiro. Entre elas estão a massagem tântrica Lingam – inteiramente dedicada aos homens – e a Massagem Yoni, a massagem feminina agora uma tendência no setor de bem-estar, especificamente adaptada ao órgão sexual feminino.

O que é massagem Yoni?

A massagem Yoni é um tipo de manipulação da área vaginal pertencente à técnica Tantra. É praticado para relaxar e “dissolver” todas as tensões acumuladas nas zonas erógenas femininas, ajudando a mulher a libertar-se de inibições, reduzir a ansiedade e criar uma maior harmonia entre mente e corpo.

Ao contrário da massagem erótica clássica – masturbação realizada pelo parceiro ou pela própria mulher com o único objetivo de atingir o orgasmo – a massagem Tantra Yoni estimula a vulva e a vagina através de uma massagem profunda capaz de atingir os pontos mais sensíveis, a fim de libertar o potencial feminino não expresso. Tudo isso, claro, também ajuda a mulher a tirar o máximo proveito de todas as sensações relacionadas ao orgasmo.

Premissa: a massagem Yoni é um momento inteiramente dedicado à mulher, que não prevê reciprocidade. Sua tarefa será fazer com que seu parceiro viva essa experiência ao máximo, sem criar expectativas. Na verdade, a massagem Yoni não visa o orgasmo. Obviamente, isso pode ser alcançado (até mesmo múltiplo) como uma espécie de “efeito colateral” muito agradável. No entanto, a mulher não deve forma alguma sentir qualquer pressão. Tudo começará e terminará com sua jornada sensorial pessoal, com ou sem orgasmo/s.

Da teoria à prática: veja como realizar a massagem 

Aqui estamos nós, finalmente chegou a hora de colocar “as mãos na massa”. Quase; Antes de começar a praticar a massagem Yoni para sua beleza, você precisará preparar o ambiente e a atmosfera . O ambiente – escusado será dizer – deve transmitir calma e serenidade. A iluminação – se artificial – deve ser suave, de preferência tornada mais intimista por algumas velas perfumadas. Se for luz natural, por outro lado, é melhor fechar as cortinas ou abaixar levemente as persianas. A luz do dia poderia constranger o parceiro.

Além das velas, você pode “aquecer” a sala com essências perfumadas, almofadas e música de fundo (a escolher com atenção especial! Prefira peças instrumentais envolventes, mas ao mesmo tempo relaxantes, como as comumente ouvidas durante a meditação). Você é romântico? Pétalas de rosa espalhadas na cama (ou no tapete de ioga se a cama for muito mole) tornarão sua primeira massagem vaginal tântrica ainda mais mágica!

E agora vamos para os acessórios. Além dos produtos de sex shop como, óleos perfumados e velas, você precisará de um bom lubrificante. Escolha-o comestível se também pretende realizar cunilíngua.

  • Prepare o seu corpo com uma massagem corporal total: não vá direto ao objetivo! Faça uma massagem sensual de corpo inteiro fazendo movimentos circulares com as palmas das mãos, começando pelo pescoço e depois passando pelos ombros, membros superiores, tronco e membros inferiores. Durante esta fase de aquecimento, você precisará evitar se aproximar da vagina. 
  • Agora massageie sua Yoni: aplique o lubrificante nas palmas das mãos e aqueça levemente esfregando as mãos. Comece massageando a vulva e toda a área ao redor do clitóris. Segundo o especialista em técnicas tântricas Alexey Kuzmin , o toque nunca deve ser excessivo, rígido e repetitivo, mas será composto por um conjunto de movimentos diferentes. Estes estimularão algumas áreas sensíveis localizadas na vagina, que obviamente podem variar de pessoa para pessoa.

Os movimentos a serem executados com as mãos

  • Faça círculos: pressione levemente, usando todos os dedos, monte e/ou clitóris, fazendo pequenos círculos. Este é um movimento que geralmente é muito popular entre as mulheres!
  • Pratique o tapping: faça um tapping muito leve com a ponta dos dedos por toda a vagina.
  • Prática de espremer: através desta técnica os lábios vaginais são suavemente estimulados através de uma espécie de “aperto” muito delicado, e depois são ligeiramente puxados.
  • Deslize: seus dedos terão que deslizar de cima para baixo e vice-versa, indo acariciar todo o órgão sexual feminino. Nenhum ponto deve ser esquecido.
  • Esfregar: esta técnica irá desencadear uma sensação de prazer extremo. Segure suavemente o clitóris entre o polegar e o indicador e depois esfregue-o com movimentos estimulantes leves e irresistíveis.
  • Penetre com os dedos: ao realizar esta manobra, você explorará e estimulará a cavidade vaginal portanto, o elusivo ponto G, usando dois dedos. Faça esta parte da massagem apenas quando a vagina estiver naturalmente lubrificada. Desta forma, você tem a certeza de agir no ponto erógeno mais sensível no momento certo.

Os benefícios da massagem Yoni em resumo

  • A mulher tem orgasmos mais intensos
  • Ajuda a melhorar a cumplicidade do casal
  • Ajuda a reconectar corpo e mente
  • Permite relaxar os músculos vaginais contraídos
  • Ele permite que você supere melhor quaisquer bloqueios emocionais causados ​​por timidez, vergonha, trauma, etc.