Por que fazer clareamento dental?

O clareamento dental é um procedimento realizado para embranquecer os dentes que estejam manchados ou amarelados. Esse tratamento é feito à base de produtos com peróxido de hidrogênio.

Essas substâncias quando entram em contato com a superfície dos dentes, consegue quebrar as moléculas pigmentadas, transformando-as em moléculas menores e deixando os dentes mais claros.

Dessa forma, através do contato com agentes clareadores, é possível deixar os dentes claros novamente através do tratamento de clareamento dental, recuperando assim a cor original.

Entre os tipos de clareamento dental que podem ser realizados, podemos destacar:

  • A laser;
  • Feito em casa;
  • Clareamento interno;
  • Com luz ultravioleta;
  • Feito no consultório odontológico.

Porém, antes de escolher um desses tratamentos, é preciso conversar com o seu dentista de confiança para que ele avalie a sua saúde bucal e indique o tipo mais adequado para o seu caso, principalmente se você utiliza lente de contato dental.

Como é feito o clareamento dental?

Os dentes são formados por várias camadas, a mais superficial é o esmalte, que é uma superfície naturalmente porosa. Com o tempo, vários pedacinhos de comida vão entrando nessas microfissuras e acabam se fixando em baixo do esmalte, ou seja, na dentina.

Por conta do acúmulo desse material é que ocorre o escurecimento dos dentes. Entre os alimentos e bebidas que podem escurecer as dentições com mais facilidade, podemos destacar:

  • Café;
  • Vinho;
  • Doces;
  • Beterraba;
  • Refrigerantes;
  • Frutas secas;
  • Molho de tomate.

Para que os dentes possam voltar a ter a coloração natural, além da colocação de facetas de resina, também é possível realizar o clareamento dental. Confira a seguir o passo a passo desse tratamento.

  1. Limpeza básica

O primeiro passo do tratamento é realizar uma limpeza básica na estrutura dentária. Para isso, o dentista utiliza uma ferramenta chamada cureta que serve para remover a placa bacteriana e o tártaro.

Esse processo é essencial para garantir o sucesso do clareamento, mas também para evitar dores e danos em alguma área mais sensíveis da boca. Ou seja, é um passo fundamental nesse tipo de tratamento.

  1. Aplicação do líquido protetor

Para realizar esse procedimento, também é preciso impedir que o clareador atinja as gengivas, assim se aplica um líquido protetor para protegê-las. 

Após a aplicação do líquido protetor, é utilizado um feixe de luz que deixa o líquido mais firme, como uma borracha.

Quando o procedimento é realizado em casa, a substância clareadora é aplicada com um molde, e por isso ela não chega a entrar em contato com as gengivas. Por isso, não é preciso utilizar o líquido protetor.

  1. Aplicação do gel clareador

Após os dois passos anteriores, o dentista deve aplicar o gel clareador nos dentes com a ajuda de uma seringa. Para todos os tipos de procedimento, é utilizado o peróxido de carbamida ou peróxido de hidrogênio.

As duas substâncias causam uma reação de oxidação e quebram as moléculas orgânicas derivadas do acúmulo de alimentos nos dentes.

Para saber qual o intervalo entre um clareamento e outro, converse como um dentista especialista em ortodontia invisível.

Os benefícios do clareamento dental

O tratamento de clareamento dental pode ser realizado em casa ou em um consultório odontológico, entretanto, é importante saber que a taxa de produto utilizada deve ser de acordo com o nível de sensibilidade da cada pessoa.

Entretanto, além de clarear os dentes e devolver uma tonalidade mais natural para eles, existem outros benefícios de realizar esse tipo de tratamento. Confira a seguir.

  1. Identificação de problemas bucais

Com os dentes mais brancos após o tratamento de clareamento, fica mais fácil identificar possíveis problemas bucais, já que o diagnóstico poderá ser mais preciso com a remoção das placas bacterianas.

Com isso, o dentista será capaz de avaliar se há a necessidade de realizar um implante de dente, por exemplo, ou algum outro tipo de tratamento relacionado a ortodontia, periodontia e endodontia.

  1. Manutenção da saúde bucal

Após realizar o procedimento de clareamento dental, as pessoas tendem a ir mais vezes a uma consulta com o dentista, isso porque o medo que os dentes voltem a escurecer ou a insegurança de realizar um tratamento acabam sendo um empurrão para novas visitas.

Diante disso, um dos maiores benefícios de realizar esse tipo de tratamento é o cuidado maior que o paciente passa a ter com a sua saúde bucal.

  1. Elevação da autoestima

A melhoria na autoestima do paciente é notável após realizar esse tipo de tratamento, isso porque ter um sorriso bonito está diretamente ligado com a autoconfiança e a sensação de bem-estar das pessoas.

Portanto, esse tipo de tratamento é muito requisitado por pessoas que queiram melhorar a aparência dos seus dentes, para que assim possam ter um sorriso mais bonito e confiante.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.